quinta-feira, 6 de julho de 2017

Aproveitando oportunidades: Compra do carro

Fala galera da Finansfera!!!



Eu sempre digo que devemos aproveitar oportunidades e as vezes o que pode ser oportunidade pra um pode não ser para o outro e quase sempre o desespero de um pode ser a oportunidade de outro. É nos desastres que há maior corrupção e as empresas ganham muito dinheiro pois todos estão sensibilizados com a enchente ou com o furacão ou qualquer outro tipo de desastre e com isso a cidade ou o estado recebe alguns milhões para recuperação e ajuda aos necessitados, dai vem as mutretas.

Seguindo este raciocínio eu aproveitei uma oportunidade para comprar um novo carro e posto aqui pois pode ser útil para alguém que queira comprar um carro, uma casa ou qualquer outra coisa.

Em um desses posts no ano passado (não me lembro mais em qual) eu havia falado que tinha deixado um dinheiro em uma LCI para comprar um carro em junho de 2017 e foi exatamente o que fiz mas antes, vou explicar melhor.

Um dos meus mimos é carro. Adoro carro e me sinto muito bem pegando uma estrada, passeando por ai com um ótimo carro então nem considero um desperdício de dinheiro já que me traz muitas felicidades. (Ainda vou escrever um post sobre como escolher um carro).

Fiquei um ano no exterior e com isso vendi meu carro e apliquei o dinheiro. Coloquei grande parte em CDB pra 5 anos e outra parte em LCI com vencimento para junho de 2017. Mas antes de mostrar a oportunidade, vamos às contas que fiz.



Vendi meu carro anterior por 70k. Reparem que na tabela acima detalhei os valores do que gastaria com o carro em um ano e coloquei um rendimento mensal de 0,9% ao mês (na média tirei até mais um pouco). No fim o valor foi de R$90.639,69 ou seja, posso comprar um carro melhor ou mais novo do que o anterior.

Vou destacar novamente aqui que o objetivo não é avaliar se vale a pena ter carro ou não ou o quanto poderia economizar se comprasse um carro mais barato e blá blá blá. Neste post ou falo de uma estratégia que fiz para a compra de um carro vendendo outro e não há chance nenhuma de eu ficar sem carro kkkkkk

Mas qual foi a grande oportunidade? Bom, digo agora. Um amigo comprou um carro premium zero em um plano de financiamento da própria concessionária, ou seja, ele deu uma entrada, financiou em 24X e depois tinha uma saída, digamos assim. Mas ele não usava o carro e resolveu vender e a negociação foi a seguinte: 
  • Pegamos o valor do carro na tabela FIPE;
  • Calculamos quanto de prestação ainda tinha a pagar juntamente com o valor da saída em dezembro;
  • Diminuimos este valor do valor total do carro de acordo com a tabela FIPE;
  • Paguei o ágio a ele e assumi as prestações.
Os benefício para mim foram:
  • Manter 70% do total do valor do carro aplicado por mais 7 meses, uma vez que fechamos negócio em maio;
  • Pagar as prestações mês a mês com dinheiro que iria aportar ( neste caso antecipei os aportes, já estão lá rendendo e até com taxas melhores do que agora pois fiz os investimentos ano passado);
  • Pagar a maior parcela do carro que será em dezembro, deste modo peguei  o dinheiro que estava em uma LCI e coloquei em um CDB no Banco Inter de 105% do CDI sendo liquidez diária mantendo o dinheiro rendendo mais um pouco.
Resumindo: Iria gastar o dinheiro todo comprando um carro à vista em maio mas acabei conseguindo comprar um carro melhor, financiado sem juros até o fim do ano e deixei o dinheiro rendendo. 

Ah, o melhor de tudo é que posso considerar o carro zero km pois ele só andou 5 mil km com o carro :)

Algumas oportunidades não podemos perder :P

Abraço a todos!!!

18 comentários:

  1. com certeza,boa...5 mil km não é nada! O meu eu consegui vender com uns 100mil km por apenas 3 mil a menos do que paguei... (4 anos depois de ter comprado)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veterinário,

      Quando isso acontece é muito bom kkkk. O que comprei pelo que tô vendo, está subindo de preço, logo pode acontecer o mesmo.

      Excluir
  2. Grande BPM

    Se faz bem e te dá essa satisfação toda, não serão argumentos matemáticos/financeiros que mudarão sua opinião.

    Me recordo de seu comentário - em um post que fiz uns 3 meses atrás - que o carro te fazia bem. Então manda vê mesmo.

    Tem gente que gasta em poker, outros com mulher, bebida, futebol, festa, casa, família, etc. Cada um tem sua preferência. Não tem certo ou errado na escolha das opções, tem apenas os efeitos das escolhas.

    Mas afinal, vai falar qual é o carro? :D

    Abs amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TR, costumo dizer que tem gente que gasta 40k em um passarinho pra ver ele cantar aos domingo de manhã em competição, porque não gastar com carro?

      Conheço todos os cálculos matemáticos e até postei um aí mas neste caso, e investimento pessoal igual viagens.

      Quanto ao carro, só posso dizer que não tem quem não pense em ter um um dia kkkkk

      Abraço!

      Excluir
  3. Você é um louco mesmo! Tinha um carro de 70 mil e agora pensa em ter um carro de 90 mil.

    Vc deve estar nadando em dinheiro. Deve ter pelo menos 1 milhão pra ter um carro de 90 mil. Porque o carro não pode ser mais que 10% do nosso patrimônio.

    Por isso que esse pessoal ai que ainda não chegou nos 110 mil nem deve sonhar com um carro. Com 110 mil dá pra comprar um carro de 10 mil.

    Quer um carro de 30 mil? 330 mil em ativos pelo menos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      O carro foi um pouquinho mais de 90k :P

      Mas concordo com você, para ter carro tem que estar podendo e não é nada bom empenhar muito do patrimônio.

      Abraço!

      Excluir
    2. Pelo raciocínio do anon eu posso ter minha motoca de 4.5k com 60k de patrimônio. kkkk

      Na verdade qualquer um pode ter o que quiser se puder pagar por isso.

      Excluir
    3. Exatamente, se puder ter sem se prejudicar e isso te fizer feliz, vá e vença!

      Você pode até trocar de moto pra uma de 6k. kkkkkk

      Excluir
    4. já ouvi essa parada mais no caso foi mais extremo o primeiro carro não poderia passar 10% já o segundo e os subsequentes 5% do patrimônio ..
      No meu caso meu carro é 30% do meu patrimônio, então preciso ficar com ele no minimo até os 400k

      Excluir
    5. Soldado, pra ter dois carros tem que precisar mesmo. Mas há casos em que é melhor investir um pouco mais no carro pra evitar manutenções, troca de peças e ficar com ele por mais tempo e continuar aportando.

      Uma vez comprei um bom carro zero km em uma promoção de fim de ano e fiquei com ele por 5 anos e nunca fiz nada além de trocar óleo. A bateria só precisei trocar com 4 anos e os pneus troquei uma vez. Vendi com 75k rodados e só vendi porque enjoei de usar manual e sem piloto automático que por viajar muito tornei esses itens obrigatórios em um carro pra mim.

      Excluir
    6. Então não digo possuir 2 carros ao mesmo tempo , e sim a troca do primeiro veiculo.
      Tipo junta 100K compra um carro de 10k , ai o próximo veiculo só seria comprado por exemplo quanto atingisse o patrimônio de 300k ai compraria um por ex de 15k e assim por diante...
      Mas na vida real isso dificilmente seria possível..
      abraço

      Excluir
    7. Ah sim, entendi.

      Olha, o papel aceita tudo mas dependendo de onde você mora o carro é essencial com em algumas cidades do interior que não tem linhas de transporte público, já em outras você praticamente não precisa como no caso de quem mora no centro do rio e trabalha por lá mesmo. Ter carro no centro do Rio é só aporrinhação porque se onde morar não tiver garagem, vai ter que alugar, pega transito, corre risco, seguro caro demais e você provavelmente não usará o carro pra trabalhar.

      Sendo o carro essencial, que carro você compra por 10k que não te dê trabalho nenhum? No mínimo uns 25k para comprar um carro em condições de rodar sem ficar dando manutenção.

      Mas.... no meu caso é necessidade misturado com lazer kkkkkk.

      Excluir
  4. Tem que usar o carro dos pais até juntar um bom patrimônio pra comprar um carro.

    Nunca dirigi carros novos ou caros.

    Primeiro tem que juntar uma boa grana e ainda sim haverá aperto no coração ao se comprar um carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade não é só carro que tem que ter dinheiro pra comprar. Pra comprar qualquer coisa primeiro tem que poder comprar e manter, seja carro, ap, casa ou qualquer outra coisa é depois tem que gostar pra comprar pois comprar qualquer coisa contrariado qualquer preço vai ser caro.

      Tenho um amigo que gastou 15k em tatuagem. Pra mim é absurdo mas pra ele trouxe uma satisfação imensa. Outros gastam 500 reais por night, outros uns 300 por mês com cigarro e por aí vai.

      Excluir
  5. Um dos seus objetivos é ter um bom carro, então enquadrou esse objetivo no seu planejamento.

    Ao comprar investindo, voce paga muito menos por o carro do que se comprar as prestações.

    Quem tem dinheiro aproveita as oportunidades que neste caso era uma troca por um carro melhor por um bom preço.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente DIL,

      Não sofri nem diminui patrimônio. Tem gente que faz o mesmo pra comprar apartamento, no meu caso, já tenho ap.

      Abraço.

      Excluir
  6. BPM,

    Exato! Se o carro te faz feliz, dane-se os números, vai la e compra hehe. Se for pensar assim, vende carro, vende casa, coloca tudo em Renda Fixa e Variável e viva de aluguel e transporte publico rsrs. Ótimo negocio o seu, que carro tu comprou? Japonês?

    Meu post sobre o Mustang vai sair logo logo, acompanhe lá

    Abraços do BnA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí BnA,

      Se o dinheiro não for pra comprar as coisas boas da vida, será pra que né ?

      Foi um alemão!

      Abraços!

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, colabore com a comunidade rumo à independência financeira!